Angioplastia Coronáriana

ANGIOPLASTIA CORONARIANA

Técnicas intervencionistas percutâneas coronarianas são comumente realizadas após angiografia diagnóstica para pacientes com doença cardíaca isquêmica. A angioplastia coronariana transluminal percutânea, com a introdução de stents, é chamada de intervenção coronária percutânea (ICP), forneceu uma alternativa à cirurgia de revascularização do miocárdio. Sem a necessidade de procedimento cirúrgico, a ICP permite abrir uma artéria do coração muito estreita ou que ficou ocluída pelo acúmulo de colesterol, com objetivo de melhor sintomas, como dor torácica,  evitar o surgimento de complicações graves como o infarto, ou mesmo tratar  um infarto agudo do miocárdio. Os balões coronários são geralmente usados ​​para pré dilatar a lesão e facilitar a entrega de stents coronários, que são compostos de aço inoxidável ou liga metálica.

Angioplastia somente com balão, embora tenha sido fundamental nos primórdios da cardiologia intervencionista, hoje encontra-se praticamente em desuso. Atualmente fica restrito a intervenção em que o uso de stent não é viável, como por exemplo:  segmentos distais de vasos muito tortuosos, calcificados e finos, além do uso nas dilatações de ramos laterais em  bifurcações.

Tel: (11) 5510-7780

Estrada de Itapecerica, 4659 - Capão Redondo
05858-000 - São Paulo/SP

Responsável Tecnico: Dra. Denise Maria Mayor- CRM 70.187

©2018 todos os direitos reservados